• Parceiros
Home | Maternidade | Saiba Mais

Saiba mais

Depressão Pós-parto

A depressão pós-parto acomete 15% das mães e pode instalar-se até um ano após o nascimento do bebê. Nesse caso, os principais sintomas são: oscilação de humor, desânimo, fadiga excessiva, irritabilidade, dificuldade de concentração, falta de vontade de cuidar do bebê e perda do prazer.

O médico deve ser comunicado imediatamente para que faça uma avaliação e constate o quadro. A mulher será medicada com antidepressivo, encaminhada para psicoterapia e para realização de atividade física.

Síndrome da Tristeza Pós-parto

Também chamada de “baby-blue”, acomete aproximadamente 80% das puérperas. Inicia-se até 10 dias após o nascimento do bebê e sua permanência não chega a um mês. Acontece devido a uma queda súbita de hormônios que ocorre após o nascimento do bebê. A maioria das mulheres não precisa de medicação para superá-la. Seus principais sintomas são: estado de melancolia, choro injustificável, irritabilidade e insegurança em seu novo papel materno.

Psicose Puerperal

Este é um quadro psiquiátrico grave que acomete menos de 1% das mulheres. Seus sintomas mais frequentes são: estado alterado da consciência, delírios, alucinações, rejeição e/ou agressividade para com o bebê.

A puérpera deve receber atendimento psiquiátrico urgente e, em muitos casos, é necessário o afastamento entre mãe e bebê, preservando a integridade física e mental da criança.

Envie esta pagina Enviar Imprimir Imprimir Favoritos Topo